sábado, 16 de fevereiro de 2013

VIDA PERFEITA

Amanhã radiante:
Nem frio nem calor,
Pássaros cantam louvor,
E árvores e as plantas
Bebem as gotas do orvalho
Que a noite deixou....

Saio de minha casa,
Cada pessoa que encontro me saúda....
E eu retribuo a gentileza com emoção...
E as pessoas mostram seus sorrisos,
Que sei que são isentos de quaisquer más intenções...
Que são faces de sinceridade.

Nas cidades,
Nos trabalhos,
O chefe entende o funcionário,
Que, embora erre,
Tem o perdão
Na mesma proporção
Que a falta lhe concerne
Para o patrão.

Ninguém fica cansado,
Todos satisfeitos com o seu trabalho,
Com seu salário,
Com  o lazer que lhes são possibilitados.

E o amor de todas as vidas humanas
É dado e recebido na mesma medida...

Pena que o que eu te contei
Seja apenas uma utopia.
(Faremos dela uma realidade um dia?)

Leandro Monteiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário